Estudar é muito importante. Mas pode-se estudar de tantas maneiras! José Carlos Ary dos Santos
.Direitos de Autor
Page copy protected against web site content infringement by Copyscape
.posts recentes

. Cidade do Porto em slide-...

. Organização Temática

. Literatura Portuguesa

. Sophia de Mello Breyner A...

. António Gedeão

. Eugénio de Andrade

. cecília de meireles

. "A Lua de Joana"

. Alice Vieira

. Aula de avaliação

.arquivos

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

.links
Domingo, 5 de Novembro de 2006
Rui Veloso

Rabisco & Rascunho

 

 

Imagem: www.ruiveloso.net/

 

Rui Manuel Gaudêncio Veloso (30 de Julho de 1957, Lisboa), embora nascido em Lisboa o cantor muda-se para o Porto com apenas três meses. É um cantor, compositor e guitarrista  português.

Considerado por muitos como o pai do rock português, movimento musical surgido no início da década de 80, foi como intérprete de blues que começou a sua carreira numa banda de garagem chamada Magara Blues.

Toca harmónica desde os 6 anos. Diz-se apreciador de B.B. King e Eric Clapton, entre outros nomes consagrados. Actuou por duas vezes com o primeiro no Coliseu do Porto e no de Lisboa, em concertos aplaudidos pela crítica. É reconhecido internacionalmente como o mais autêntico bluesman português.

 

A sua obra é notável e foi já reconhecida pelo Estado Português na figura do então Presidente da República, o dr. Mário Soares, que lhe atribuiu a "Grã-Cruz da Ordem do Infante".

 

É o segundo nome da música portuguesa que mais páginas tem destinadas na "Enciclopédia da Música Portuguesa", só ultrapassado por Amália Rodrigues.

 

[texto com supressões]

 

http://pt.wikipedia.org/wiki/Rui_Veloso

Letra da Música «Porto sentido»

Quem vem e atravessa o rio
Junto à serra do Pilar
vê um velho casario
que se estende ate ao mar

Quem te vê ao vir da ponte
és cascata, são-joanina
dirigida sobre um monte
no meio da neblina.

Por ruelas e calçadas
da Ribeira até à Foz
por pedras sujas e gastas
e lampiões tristes e sós.

E esse teu ar grave e sério
dum rosto e cantaria
que nos oculta o mistério
dessa luz bela e sombria

[refrão]
Ver-te assim abandonada
nesse timbre pardacento
nesse teu jeito fechado
de quem mói um sentimento

E é sempre a primeira vez
em cada regresso a casa
rever-te nessa altivez
de milhafre ferido na asa

 http://rui-veloso.letrasdasmusicas.com.br/porto-sentido-letra.html

Filipa Barros, 12 anos, 6ºI

 

(Actualizado em 24.05.2007)

 

publicado por aprendizagensnanet às 21:20
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Filipa a 15 de Junho de 2007 às 22:50
olá professora não sei se já reparou mas eu já consegui publicar o post com a letra da música do cantor bom fim de semana.bjs!!!!!!!!!!!

Comentar post

.Direitos de Autor
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.
.mais sobre mim
.pesquisar
 
.links
.Direitos de Autor
Page copy protected against web site content infringement by Copyscape
Free Counters
.subscrever feeds